Plantas medicinais – Mirtilo

Muito se tem falado acerca desta baga roxa, cujas propriedades medicinais se têm revelado muito benéficas para a  nossa saúde. É também um fruto muito rico a nível nutricional, contendo vitaminas e outros nutrientes como vitamina A, B, C e PP, sais minerais, magnésio, potássio, cálcio, fósforo, ferro, manganês, açucares, pectina, tanino, ácido cítrico, málico e tartárico.

O Mirtilo é também reconhecido como um poderoso antioxidante, estando entre os alimentos que maior teor de antioxidantes possui. É aceite como uma planta medicinal, da qual se podem usar quase todas as partes, como as flores, as folhas, o fruto e até as próprias raízes. As suas propriedades antioxidantes previnem doenças cardiovasculares, vários tipos de cancro (nomeadamente o cancro do cólon), atenuam processos relacionados com o envelhecimento (como cataratas e doença de Alzheimer) e outras alterações do sistema nervoso (excelente antídoto para a depressão);

 

As bagas apresentam também bons resultados contra a colibacilose, são anti-sépticas para o estômago e intestinos. São um excelente tratamento para a diarreia, curam a disenteria e aliviam as dores nas hemorróidas.

O Mirtilo é benéfico para tratar alterações circulatórias: varizes, flebites, úlceras varicosas, etc. As folhas de mirtilo são adstringentes e muito úteis em várias patologias: nas cólicas, na diarreia, má circulação do sangue, mas sobretudo no combate à diabetes.

Novos estudos e pesquisas efectuadas por laboratórios credenciados, nos Estados Unidos, revelaram que os Mirtilos podem também baixar o nível de mau colesterol, sendo que o Mirtilo é mais eficiente que muitos medicamentos.

Aplicação do Mirtilo

Uso interno

  • Infusão – Use 30 gramas de folhas para um litro de água a ferver. Deixe repousar durante cerca de 5 minutos. Aconselhamos a toma de uma chávena 3 vezes ao dia. No caso do tratamento da diabetes evite adoçar. No caso de tratamento de diarreia, tome uma chávena a seguir a cada dejecção, até as fezes voltarem a normalizar.
  • Decocção – Use uma colher de café de bagas de mirtilo para uma chávena de água. Deixe ferver por 5 minutos. Deve tomar este preparado 5 vezes por dia. Em alternativa, pode ainda optar por ferver as folhas. Neste caso, use duas colheres de sopa de folhas para uma chávena de água. Deixe ferver durante 2 minutos. Aconselhamos, neste caso, a toma de uma chávena 3 vezes por dia.

Uso externo

  • Loção – O mirtilo é também muito benéfico quando aplicado em uso externo. Para fazer uma loção prepare sumo de mirtilo concentrado por meio de decocção dos frutos e aplique nas úlceras varicosas, nos eczemas e na foliculite.

4 comentários

  1. Santos Tyago 24 de Setembro de 2012
  2. Suzana Cunha 24 de Setembro de 2012
    • Paulo Gomes 25 de Setembro de 2012
  3. Valadares Correa Maia 25 de Setembro de 2012

Adicionar Comentário