Planta Medicinal CASTANHA-DA-ÍNDIA

NOME BOTÂNICO DA CASTANHA-DA-ÍNDIA: Aesculum hippocastanum L.

PARTE DA CASTANHA-DA-ÍNDIA UTILIZADA: Semente

AÇÃO – INDICAÇÃO – PROPRIEDADE

No tratamento de perturbações da circulação venosa. Nos casos de flebites, e como preventivo de varicozes e hemorróidas. Queda do cabelo e cabelos fracos. Sua principal ação é sobre o sistema venoso, aumentando a resistência e o tônus das veias. Diminui a permeabilidade e a fragilidade capilar.

Suas propriedades se devem principalmente aos saponosídeos, hidroxicumarinas e derivados flavônicos que atuam sobre a fragilidade capilar e como vaso constrictores periféricos.

Ativa a circulação sanguínea e favorece o retorno venoso prevenindo acidentes vasculares, estase venosa, espasmos vasculares e tromboflebites. O efeito tônico da castanha da índia sobre o sistema venoso é percebido 15 a 30 minutos após a ingestão, alívio da dor.

Não é recomendado o uso por crianças.
Ocorre potencialização com a hamamelis. Pode potencializar a ação de anti-coagulantes.

DOSAGEM / MODO DE USAR da Planta Medicinal CASTANHA-DA-ÍNDIA

Uso interno:
Infuso ou decocto a 1 %, tomar 50 a 200 m1/dia.
Extrato seco: 0,10 a 0,40 g/dia.
Extrato fluido: 0,5 a 2 ml/dia.
Tintura: 1 a 4 ml, 3 vezes ao dia.
Alcoolatura: 10 a 30 gotas, 2 a 3 vezes ao dia 10 a 15 minutos após as refeições.

planta-medicinal-castanha-da-india


Adicionar Comentário