DICAS PARA FAZER LOGOMARCA



Desenvolver uma logomarca é simples, não é? Pense mais uma vez. Há muito mais envolvido no desenvolvimento de uma identidade visual que colocar o nome em um quadrado. Uma logomarca é a primeira impressão de uma empresa, é algo que pode impactar a percepção do consumidor sobre a marca, influenciando a suas atitudes geral em relação ao produto.

Vivemos em uma sociedade cheia de logomarcas de empresas diferentes. Até mesmo crianças que ainda não amarram os sapatos conseguem reconhecer logomarcas e são capazes de deduzir o que aquela empresa vende apenas olhando para elas.

Para aqueles que querem embarcar na jornada de design de marcas ou que pensam que agora é o momento para uma melhoria da identidade visual de suas empresas, adotem essas dicas.


dicas para fazer logomarca1

1. Seja único e inteligente

Uma logomarca é o que ajuda a distinguir uma marca das concorrentes, então, é importante que a imagem se destaque nos quesitos que as outras marcas tentam alcançar. Criar um design único não se limita a evitar imitações. Pensar “fora da caixa” também é muito importante.

 

2. Entenda a marca

A logomarca é uma imagem, mas, também é uma apresentação da marca. Ela precisa atingir um público específico e é isso que você tem que pensar enquanto a cria. Anote o você acha da marca. Tente criar um painel de impressões com as imagens te fazem lembrar a ideologia da marca. Cuidado com a inspiração somente com a estética da logomarca. Procure colocar um significado mais profundo.

 

3. Cores são as chaves

Quando for levar a personalidade em conta, pense em cada aspecto da imagem. Cores muito claras ou muito escuras podem chamar atenção de alguns, mas, podem parecer arrogantes. Tons suaves exalam sofisticação, contudo, podem acabar se tornando negligentes. Cada cor tem uma implicação diferente e pode trazer nuance para sua mensagem.

  • Vermelho: Enérgico, sexy, arrojado.
  • Laranja: Criativo, amigável, jovem.
  • Amarelo: Ensolarado, criador, otimista.
  • Verde: Crescimento, orgânico, instrucional.
  • Azul: Profissional, tranquilidade, confiável.
  • Roxo: Espiritual, sábio, evocativo.
  • Preto: Convincente e poderoso.
  • Branco: Simples, limpo, puro.
  • Rosa: Divertido e cheio de glamour.
  • Marrom: Rural, histórico, firme.

 

4. Fácil e flexível

É importante ter um equilíbrio entresimplicidade e peculiaridade. Você quer que a sua logomarca seja interessante mas não que sentem e a fiquem analisando como uma obra de arte.

Na era digital em que vivemos, as logomarcas aparecem em múltiplo dispositivos nas mídias sociais, assim, você deve desenvolver algo que transcenda o papel,  que tenha boa aparência em vários panos de fundo, funcione com aplicativos, ícones, avatares e impressões. Você pode querer fazer o design de algo que vai durar por eras, mas, deve estar com a mente aberta para pequenos percalços pelo caminho.

 

Teoria e prática contínua

Essas dicas são apenas a ponta do iceberg, pois, existem muito mais informações sobre essa ampla área de design de logomarcas. Esses materiais são bem vastos, portanto, procure se informar e se especializar em técnicas de design aplicadas para que seu portfólio se torne mais atraente e seu número de clientes aumente exponencialmente.


Adicionar Comentário