Zonas comuns da casa, Cozinha, sala de estar e sala de jantar

A zona comum

Como o próprio nome indica, esta zona está à disposição de todos. É onde a família se reúne e recebe os amigos, compreendendo a cozinha e a sala de estar, onde se localizam os espaços para as refeições e para o repouso (sofás).

A cozinha da casa

– No campo, a cozinha é, frequentemente, a divisão principal de uma casa. Muitas vezes, tem o aspecto da sala comum de outros tempos, a maior divisão de uma casa, que se presta a todos os tipos de ocupações e de tarefas desempenhadas em conjunto. A grande lareira, a que os camponeses não ligam muito, mas que os citadinos apreciam, é, não raras vezes, o elemento decorativo principal.

– Na cidade, pelo contrário, a cozinha é, geral­mente, pequena, pelo que se deve tirar o melhor partido do espaço existente. Se for bem concebida, uma pequena cozinha torna-se menos fatigante do que uma grande, pois as zonas destinadas às diversas funções estão muito próximas. Na decoração da sua cozinha, tente respeitar a ordem das seguintes funções : lavagem, preparação e cozedura dos alimentos, de modo a evitar ao máximo as deslocações. Não se esqueça dos electrodomésticos fundamentais, tais como a máquina de lavar louça, o fogão e o frigorífico. Instale a cozinha o mais próximo possível do espaço para refeições.

Uma boa solução consiste em substituir o tabique que separa a cozinha da sala de refeições por um móvel que se possa abrir para os dois lados : o serviço e a arrumação serão muito facilitados, Qualquer que seja a sua opção, defina bem, logo à partida, as zonas de circulação, para evitar desperdícios de espaço inúteis, Se passar muito tempo na cozinha, sem menosprezar a escolha dos móveis e dos aparelhos, tente organizar um ambiente agradável e bem iluminado, onde a sua sombra não seja projectada na bancada de trabalho.

Escolha a cor e o material dos ladrilhos ou de outros revestimentos de acordo com o seu gosto pessoal, mas tendo em conta também a facilidade de limpeza.

A sala de estar

A sala de estar compreende, como já referimos, um espaço para refeições e um espaço para repouso. É uma sala comum, onde as pessoas se alimentam, vivem, repousam, sendo a maior divisão da casa. A sua superfície, geralmente entre os 24 e os 25 m2, deverá ir até aos 35 m2 no caso de uma família de quatro pessoas. É possível tomar este espaço mais amplo, se não na realidade, pelo menos recorrendo a alguns truques visuais.

Se o seu apartamento dispõe de uma sala de jantar e de um salão de pequenas dimensões, poderá, eventualmente, eliminar a parede ou a ligação entre estas duas divisões. A zona de estar serve para o repouso e para a comunicação. Este espaço deverá, então, ser mobilado com confortáveis poltronas ou sofás, cuja disposição permita que cada pessoa possa ver o seu interlocutor. Por outro lado, as mesas e as estantes baixas serão colocadas, de preferência, ao lado das poltronas e não à sua frente. A iluminação desta zona deverá poder ser modificada de acordo com a actividade em questão, Por exemplo, pontual e bastante forte para a leitura, mais suave para a conversa, muito discreta quan­do se ouve música ou se vê televisão. Se dispõe de um piano, assegure-se de que o teclado fica bem iluminado e que as zonas de passagem não incomodam o executante, A aparelhagem de alta fidelidade deverá ser colocada num suporte, longe das zonas de circulação, a fim de evitar que as eventuais vibrações do chão interfiram na qualidade do som. As colunas de som deverão ser colocadas em locais precisos, tendo em conta o tamanho, os elementos decorativos e o revestimento da divisão. Para obter uma boa qualidade sonora, talvez seja me­lhor consultar um especialista (ou um amador experiente).

A zona da televisão deverá ter uma iluminação integrada, isto é, com vários pontos de luz, para evitar que os olhos se cansem. Não coloque o seu televisor a contra-luz, pois, desta forma, faz aumentar os contrastes luminosos e aumenta o esforço dos olhos. A zona em redor da televisão também não deverá ser escura ou pouco iluminada (contrastes inversos). Existem projectores es­peciais, que se colocam por detrás da televisão, e que emitem uma luz difusa e suave, tomando o ambiente mais agradável.

Se, por acaso, tiver a sorte de possuir uma lareira nesta divisão, o espaço para o repouso organizar–se-á em seu redor. Um plano inferior (fosso) destinado à conversa e à comunicação poderá ainda manter a intimidade numa divisão grande. No campo, como a superfície está menos limitada e a altura das paredes é, geralmente, maior, por vezes, coloca-se a lareira no centro da divisão, o que realça o seu aspecto, dando uma sensação de espaço e liberdade.

Os volumes destinados à arrumação têm, igual­mente, um interesse particular, pois acomodam todos os objectos relacionados com as activi­dades da sala de estar. Uma solução prática é dotar toda uma parede com elementos de arrumação (por exemplo, estantes ou prateleiras), Assim, perto da zona de refeições, deverão estar os serviços, os vidros, os cristais, as toalhas de mesa, bem como os aperitivos e as bebidas alcoólicas, Por outro lado, tudo o que se relacionar com o lazer deverá ser agrupado num outro espaço. É o caso dos livros, dos discos, das fotografias, da câmara de vídeo, do projector de slides, etc.

Zona de refeições

Outrora, as pessoas tomavam as suas refeições na sala de jantar, que era exclusivamente reser­vada para o efeito. Contudo, dado que o espaço é cada vez mais diminuto e caro, actualmente, é comum ver-se o espaço para refeições incorporado na sala de estar, ou mesmo na cozinha. De qualquer forma, as refeições devem ser tomadas, tanto quanto possível, próximo da cozinha, Uma refeição será tanto mais agradável quanto for tomada num ambiente calmo e intimista, As­sim, evite que o local seja atingido por ruídos desagradáveis ou por uma iluminação incómoda. Algumas soluções poderão passar por rebaixar um tecto demasiado alto, por evitar, tanto quanto possível, escadas de acesso e por instalar uma iluminação pontual, mas suave, de modo a eliminar os reflexos. Se a divisão for grande, existem outras possibilidades: o espaço para refeições elevado (atenção às zonas de passagem), transformado em bar.

As dimensões do espaço para refeições, como é óbvio, dependem do número habitual de comensais. A largura média necessária para uma pessoa sentada a uma mesa é de 60 cm. Esta medida, serve de base para o cálculo das dimensões de uma mesa para refeições.


One Response

  1. sueli 18 de Julho de 2014

Adicionar Comentário