Estofos, como renovar assentos amovíveis e de molas

É possível reparar ou restaurar cadeiras estofadas com materiais modernos e algumas ferramentas adequadas — um arranca-tachas, um martelo de estofador e um esticador de precintas. Para um assento de molas, também necessita de uma agulha curva e forte de estofador e de fio.

Assentos amovíveis

Tire o fundo (assento) à cadeira e coloque-o sobre uma mesa com a parte inferior para cima. Retire as tachas, o pano cru e quaisquer coberturas que haja, de modo a ficar apenas o aro de madeira. Com uma plaina, desbaste ligeiramente o aro 5 cm para cada lado dos cantos para facilitar a colocação do enchimento quando se aplicar o estofo novo. Encha os antigos furos das tachas com massa para madeira e alise o aro com lixa fina.

Corte três tiras de precinta com mais 20 cm que a dimensão do fundo, medida das costas para a frente. Dobre 2,5 cm da primeira tira e, utilizando cinco tachas de estofador colocadas de forma a fazer um W. prenda-a no centro do aro, na parte que irá assentar junto das costas da cadeira. Estique-a com um esticador e a seguir pregue três tachas para a prender; apare a precinta a 2,5 cm das tachas. Dobre o excedente por cima das tachas e pregue mais duas tachas. Coloque as outras duas tiras a espaços iguais da primeira.

Coloque três precintas perpendicularmente a estas. Entreteça a tira do centro por baixo, por cima e por baixo do primeiro conjunto de tiras; entreteça as outras duas passando por cima, por baixo e por cima do primeiro conjunto de tiras.

A seguir, corte uma porção de pano cru tendo a toda a volta mais 2,5 cm do que o aro. Centre o pano cru sobre as precintas e prenda provisoriamente com uma tacha no meio de cada lado. Depois, dobre o excedente do pano cru ao longo da parte de trás, retire a tacha e pregue outra até ao fundo no centro desse lado. Estique bem a dobra no sentido dos cantos e prenda com tachas. Pregue tachas em toda a dobra a intervalos de 2,5 cm. Proceda da mesma maneira ao longo da frente do aro e a seguir dos lados.

Corte uma placa de espuma de 2,5 cm de espessura com o tamanho do assento, mais 1,5 cm a toda à volta. Utilize um serrote para aparar a aresta superior da placa de espuma, chanfrando-a num ângulo de 45° e de modo que na aresta inferior a placa mantenha a medida original para poder fazer uma aba de cerca de 0,5 cm. Sobre a face inferior da placa de espuma, centre uma placa de aglomerado de granulado de espuma de 1,5 cm de espessura, tendo à volta menos 5 cm do que o assento, e cole utilizando uma cola à base de água.

Coloque as espumas de modo que a placa de aglomerado fique sobre o pano cru. Prenda a aba de espuma ao aro com tachas. Trabalhe do centro para os lados: deixe um intervalo de 1,5 mm entre cada tacha e acabe a 5 cm dos cantos. Faça um corte em V cm cada canto da espuma, sobreponha os lados do V e coloque uma tacha para prender ao aro a parte sobre­posta. Acabe de pregar as tachas nos cantos.

Corte paninho com a medida do assento, mais 10 cm a toda a volta. Cen­tre sobre a espuma e prenda provisoria­mente com uma tacha no centro de cada lado. Vire o fundo ao contrário e prenda o pano por baixo do aro, dobrando o excesso de tecido. Trabalhe do meio para os lados, colocando as tachas a intervalos de 2,5 cm e esti­cando o pano à medida que for traba­lhando. Nos cantos, pregue o tecido primeiro no vértice sobre o canto, alisando-o bem, e em seguida sobrepo­nha os lados sobre o canto e prenda-o com tachas.

Coloque por cima do pano um pedaço de enchimento cortado à medida do assento. Ponha por cima o material de revestimento exterior. Utilize o mesmo método que usou para o pano, mas pregue as tachas na beira interior da face inferior do aro.

Assento de molas fixo

Retire o estofo antigo e chanfre a beira exterior do aro. Corte o pano cru com mais 7,5 cm a toda a volta que a medida do assento. Centre-o sobre este.

Coloque sobre ele e a toda a volta uma tira de cartão de 1,5 cm de largura e a 0,5 cm da beira exterior do aro. Pregue as tachas através do cartão e do pano cru a intervalos de 2,5 cm, esticando bem o pano e trabalhando do centro para os lados.

Coloque crina sintética por cima da tira de cartão, distribuindo-a uniformemente, de modo a fazer um rebordo de 2 cm quando for bem apertada. Dobre o parto cru por cima da crina e aperte bem ao aro com tachas a intervalos de 2,5 cm colocadas rentes à beira interior da tira de cartão. Faça os cantos dobrando o pano cru.

Corte uma placa de aglomerado de granulado de espuma de modo a ocupar perfeitamente o espaço delimitado pelo rebordo, e a placa de espuma de forma a cobrir a primeira e a alcançar a madeira. Para fazer o assento mais abau­lado, disponha uma camada de crina por cima do pano cru antes da primeira placa. Coloque o pano, o enchimento e o forro exterior como fez para um assento amovível, mas pregue o pano cru a meia altura da face exterior do aro e o revestimento exterior logo a seguir. Cole um galão decorativo para escon­der as tachas. Nos cantos das costas, dê um golpe não muito comprido em dia­gonal a partir do canto do pano cru (e depois do revestimento exterior). Do­bre as duas pontas e estique bem o tecido para baixo antes de o pregar.

Molas

Se o acolchoamento e o revesti­mento do assento estiverem em bom estado, mas as molas «pasmadas» ou partidas, pode colocar molas novas sem mexer no revestimento exterior. Vire a cadeira ao contrário sobre uma mesa, de forma que o espaldar fique pendu­rado para baixo. Tire as tachas que prendem o pano cru do fundo e retire-o. Arranque as tachas que prendem as precintas e corte o fio que prende o topo de cada mola à camada de cima de precintas. Retire as molas com as pre­cintas do fundo a que estão presas.

Verifique o estado em que está a camada de cima das precintas. Substitua as que estiverem gastas, pregando-as com tachas à face interior do aro, tanto quanto possível junto do topo — não vai poder utilizar o esticador de precin­tas. Entreteça as tiras novas por entre as antigas. Coloque molas novas com cerca de 7,5-10 cm de altura — se forem demasiado altas, irão gastar o revestimento exterior. Ponha uma mola no centro do assento e as restantes à volta, formando um quadrado. Prenda-as no local em que as precintas se cruzam.

Utilize a agulha curva de estofador e fio para coser as molas em três pontos. Remate as pontas do fio com um nó. Coloque as precintas sobre a base do aro como se descreveu para os assentos amovíveis (mas trabalhe por baixo, e não pelo lado de cima). Cosa os fundos das molas no devido local da mesma forma que fez à parte de cima. Prenda o pano cru à base.

Se as molas e o revestimento exterior necessitarem de ser substituídos, colo­que primeiro as precintas e as molas e a seguir o pano cru com o rebordo das beiras, o acolchoamento e por fim o revestímento exterior.

estofos


One Response

  1. Vivianne Grasset 28 de Novembro de 2011

Adicionar Comentário