Como remover e detectar se o seu computador está infetado com o virus Gauss

A chave da deteção do virus gauss, está em verificar se tem instalado no seu computador a fonte Palida Narrow e pode-se verificar a sua presença em http://95.211.172.144/gauss/

Caso tenha o seu computador infetado, pode utilizar A ferramenta gratuita Kaspersky Removal Tool que limpa todos os dispositivos infetados

a Kaspersky Lab anunciou a descoberta do Gauss, uma nova ciber-ameaça que tem como alvo os utilizadores do Médio Oriente e cujo objectivo é a ciber-espionagem e o roubo de dados confidenciais, com especial foco em passwords, credenciais de contas bancárias online, cookies e configurações específicas dos equipamentos infectados.

 
A principal preocupação logo após a descoberta desta perigosa ameaça era encontrar uma forma simples que permitisse aos utilizadores verificarem se os seus equipamentos estavam infectados ou não .

As soluções antivírus da Kaspersky Lab já detetam o vírus gauss, mas para os que não possuem um antivírus que detete e elimine o vírus, a Kaspersky Lab oferece uma alternativa rápida para verificar a presença de algum componente do Gauss no computador.

O Crysis, um laboratório de investigação húngaro, criou um método via web que permite analisar os sistemas com a fonte Palida Narrow instalada, já que este Trojan instala esta fonte em todos os equipamentos infectados. A página web está disponível aqui: http://gauss.crysys.hu.

 
Agora, baseando-se nessa mesma ideia, a Kaspersky Lab melhorou o método de detecção com uma ferramenta que não necessita da intervenção do servidor. Trata-se de uma janela iframe que contém o código javascript para verificar se a misteriosa fonte está instalada e limitar o seu acesso. Ainda não é claro o motivo que leva os cibercriminosos a instalar esta fonte, mas a sua detecção pode indicar a presença de actividade do Gauss no sistema.

Para verificar a infeção: http://95.211.172.144/gauss/

O resultado da deteção da fonte Palida Narrow online

 

Caso esteja infetado com o virus gauss elimine-o com a ferramenta gratuita
aqui.


2 comentários

  1. Edilson Nascimento 15 de Agosto de 2012
  2. Ricardo Azevedo 6 de Abril de 2015

Adicionar Comentário