Melissa – Melissa Officinalis red Calamintha

A Melíssa pertence à família das Labiadas. Seu caule é reto, podendo atingir até 80 cm de altura. É toda recoberta por uma lanugem, sendo que suas folhas se apresentam no formato de um cálice tuboso, cujo lado de dentro pode ser amarelo ou branco, ou ainda apresentar manchas. Suas folhas também são ricas em glândulas de óleo. É originária da América do Norte e sul da Europa. Suas propriedades são conhecidas desde a Grécia antiga quando era cultivada nos jardins, pois atribuía-se a ela a capacidade de fortalecer o coração e o cérebro. A conhecida Água de Melissa, hoje vendida em farmácias, foi desenvolvida há séculos pelos Cannelitas franceses. Esta água serve como calmante e antiespasmódico, uma de suas maiores propriedades. A Melissa é ainda muito empregada para combater distúrbios de origem nervosa, hepática e nevrálgica, do aparelho digestivo e intestinal.
As folhas da Malva, quando esmagadas, exalam um agradável perfume. Ela também é conhecida como erva cidreira verdadeira, melitéia, cidrilha e melissa romana.

Nome científico: Melissa Officinalis red Calamintha


One Response

  1. Joca Vitorino 16 de Junho de 2011

Adicionar Comentário