Planta Medicinal GENGIBRE

 NOME BOTÂNICO GENGIBRE: Zingiber officinale

PARTE GENGIBRE UTILIZADA: Rizoma

AÇÃO – INDICAÇÃO – PROPRIEDADE

Estomáquico, carminativo, antiemético, espasmolítico, estimulante da
circulação periférica, antiinflamatório, estimulante da digestão.

Dispepsia atônica, cólica, profilaxia de enjôo de viagem, vômitos
decorrentes da gravidez, rouquidão, inflamação da garganta, asma, bronquite,
menorragia, anorexia, problemas reumáticos.

Exerce ação nos sistemas digestivos, nervoso central e cardiovasculares. Age
como estimulante para o trato gastrintestinal, aumentando o peristaltismo e o
tônus do músculo intestinal. Os extratos de gengibre estimulam os centros
vasomotor e respiratório.

A inibição da síntese de certas prostaglandinas pode explicar o efeito anti-
inflamatório do gengibre e sua eficácia no estudo de casos recentes de desordens
reumáticas e artríticas.

Tem-se demonstrado considerável interesse no seu uso como anti-emético, em
razão de não demonstrar efeitos colaterais em comparação a outras drogas anti-
eméticas.

Se tomada nas doses terapêuticas, não apresenta efeitos colaterais. Não
utilizar como anti-emético durante a gravidez.

 

DOSAGEM / MODO DE USAR GENGIBRE

Como anti-emético: única dose de rizoma em pó, 1-2 g.
Para outras indicações: 3 vezes ao dia.
Rizoma em pó: 0,25 -1 g.
Tintura fraca de gengibre: 1,5 – 3 m1. Tintura forte de gengibre: 0,25 – 0,5
m1.

 

gengibre

 


Adicionar Comentário