Dores de dentes, como aliviar a dor enquanto não vai ao dentista

As dores de dentes, assim como as dores nos maxilares ou nas gengivas, constituem geralmente um sintoma de cárie dentária, gengivite ou outra doença dos dentes. As dores, que podem ser constantes. latejantes ou intermitentes, agravam-se geralmente quando a pessoa ingere alimentos.

No entanto, essas dores podem também ser causadas por outras perturbações, como sinusite ou nevralgia; no entanto, se as dores persistirem depois da cura dessa perturbação, consulte o seu dentista.

Se sente dores quando mastiga, pode tratar-se de um dente partido; porém, se for tratado imediatamente, será possívelsalvá-lo. Quando a dor é acompanhada de uma tumefacção, pode ser causada por um abcesso. Nesse caso, o tratamento é urgente, sobretudo se a tumefacção tiver alastrado à cara e ao pescoço.

Por vezes, não é possível consultar imediatamente um dentista, mas podem tomar-se certas medidas para aliviar a dor.

  • Aplique sobre o dente um anestésico local, que se vende em quase todas as farmácias.
  • bocheche de vez em quando com uma solução de um elixir anti-séptico em água morna.
  • Tome aspirina ou outro analgésico na dose indicada na embalagem. Pode também desfazer uma aspirina e aplicá-la em volta do dente que lhe dói.
  • Ponha um saco de água quente ou um parche quente sobre o lado da cara que lhe dói.

Depois de ter feito um tratamento no estomatologista, pode sentir dores quando come ou bebe. Geralmente, a dor desaparece ao fim de algumas horas, mas pode aliviá-la bochechando depois de comer ou beber com água morna em que tenha dissolvido um pouco de sal.

 


2 comentários

  1. Naiara Pereira 13 de Junho de 2013
  2. Yuri Palmeiro 2 de Outubro de 2013

Adicionar Comentário