Lesões na Coluna, o que deve fazer numa emergencia

Deslocar uma pessoa que tenha a coluna fracturada pode causar-lhe a morte ou paralisia permanente. Quando houver suspeita de que uma pessoa sofreu fractura da coluna ou do pescoço, só se deve deslocá-la se estiver em perigo de vida. Nesse caso, arraste-a para um local fora de perigo, agarrando-a pelos ombros do fato e utilizando uma peça de roupa para apoio da cabeça.

O que deve procurar

Primeiro, procure indícios do que aconteceu. São maiores as probabilidades de a pessoa ter sofrido uma lesão na coluna se estiver caída junto de um escadote ou um lanço de escadas, se tiver sido atropelada ou um objecto pesado lhe tiver caído sobre as costas. A coluna também pode ter sido afectada se a pessoa saltou de grande altura ou escorregou e caiu sobre as nádegas ou de cabeça. Num choque de automóveis, a vítima pode ter sofrido um sacão violento da cabeça para trás.

coluna

 

Sintomas de lesão na coluna

     • Perda de sensibilidade e de movimentos abaixo da área magoada — por vezes, uma sensação de se ter sido cortado ao meio.

  • Dor no local da lesão.
  • Dormência ou formigueiros nas mãos e nos pés (o que sugere uma lesão no pescoço).
  • Incapacidade para mexer os dedos das mãos e dos pés, os pulsos ou os tornozelos, mas sem sinais de fractura de um braço ou perna.
  • Insensibilidade à dor quando se belisca a pele.
  • Dificuldades respiratórias.

Como Actuar

Não mova a vítima nem mesmo para lhe pôr qualquer coisa debaixo da cabeça. Conforte-a e diga-lhe que fique quieta enquanto chama uma ambulância. Enquanto espera, coloque roupa ou cobertores enrolados ao longo da pessoa como apoio e cubra-a com um cobertor.

Se a vitima estiver inconsciente e com a cara voltada para cima, retire-lhe da boca com os dedos tudo quanto possa dificultar-lhe a respiração e segure-lhe o maxilar inferior. Vigie cuidadosamente a respiração; se parar, administre-lhe com cuidado a respiração artificial..


2 comentários

  1. Rafaela Pereira 29 de Março de 2012
  2. Eduardo Diaz 29 de Agosto de 2012

Adicionar Comentário