Fatos impermeáveis, como escolher, conservar e reparar

Na prática de certos desportos, como a vela e a prancha à vela, bem como das diversas actividades subaquáticas, o desportista pode precisar de um fato impermeável para conservar o calor do corpo e por uma questão de protecção.

Estes fatos vendem-se em diversos tamanhos para adulto e para criança; são confeccionados numa borracha sintética impermeável designada pelo nome de neoprene, muitas vezes de cores vivas e fluorescentes para serem bem visíveis.

Os fatos de mergulhador tem entre 3 e 10 mm de espessura, enquanto os fatos para vela e prancha à vela são mais finos — 2 a 5 mm de espessura — e mais maleáveis. Para qualquer modalidade existem fatos inteiros ou de duas peças.

Torna-se por vezes necessário usar outros acessórios, como um carapuço, luvas com ou sem dedos e botas de neoprene.

O seu fato deve assentar bem e ficar justo ao corpo, de forma a deixar entrar apenas uma quantidade mínima de água, que, aquecida pelo calor do corpo, contribui para o isolar do frio. Os fatos cosidos com pontos invisíveis que não atravessam a borracha de um lado ao outro são os que possuem mais alto grau de impermeabilidade e também, regra geral, os mais quentes.

Como conservar um fato impermeável

Lave e enxagúe bem o fato sempre que o usar para remover todo o sal, pois este destrói a borracha. Pendure-o a secar ao ar, mas não ao sol nem perto de uma fonte de calor. Guarde-o pendurado — não o dobre nem coloque objectos pesados em cima.

Reparação de fatos impermeáveis

Repare os pequenos rasgões com uma cola líquida especial à base de neoprene, que seca em contacto com o ar, ou com kits especiais, que contêm todo o material necessário e são vendidos nas casas de material de vela ou mergulho.

Vendem-se também remendos de neoprene para tapar buracos muito pequenos. Aplique o remendo colando-o com cola de neoprene. Os buracos grandes devem ser reparados por profissionais.

fatos impermeaveis


Adicionar Comentário