Como limpar, guardar e consertar sapatos

Antes de estrear um par de sapatos ou botas de couro ou de cabedal, proteja-os com uma camada de graxa e trate os sapatos de camurça com um produto repelente da água.

Esfregue as solas novas de couro com lixa antes de calçar os sapatos para não escorregar.

Como limpar sapatos de couro ou cabedal. Limpe ou escove a sujidade assim que os sapatos estiverem secos. Se os sapatos estiverem muito sujos, lave-os previamente com sabão especial para couro. Tire as manchas de sal, gor­dura ou alcatrão com um tira-nódoas adequado.

Use cera ou graxa de cor que condiga com o sapato. Esfregue bem com um pano macio para fazer penetrar o pro­duto; depois, torne a esfregar com uma flanela limpa ou uma escova macia. Puxe o lustro com um pano limpo e macio e aplique em seguida um pro­duto de protecção para couro ou cabe­dal.

Como limpar sapatos de camurça:

Com os sapatos bem secos, raspe a maior parte da lama com as costas de uma faca; depois, escove os sapatos com uma escova especial para camurça, de arame, cerda ou borracha, fazendo movimentos circulares, e com uma esponja molhada com água e sabonete suave retire as pequenas marcas causa­das por amolgadelas ou pisadelas.

Se a sujidade estiver entranhada, uti­lize um champô para camurça, se­guindo cuidadosamente as instruções do fabricante, para evitar acamar dema­siado o pêlo. Utilize um tira-nódoas adequado para remover as manchas mais difíceis.

Como limpar sapatos  de lona:

Escove o pó e a lama assim que os sapa­tos estejam secos. Lave as nódoas à mão ou coloque os sapatos numa fronha e lave-os na máquina num programa ade­quado. Aplique um produto de limpeza para tecidos de cor quando os sapatos estiverem secos.

Como guardar os sapatos. Para evitar que os sapatos deformem, guarde-os com formas de mola, que pode adquirir nas sapatarias, ou encha-os com papel de jornal bem comprimido e arrume-os cm caixas ou sacos para os proteger do pó e de possíveis esfoladelas.

Não deixe o calçado secar debaixo de sol muito intenso nem muito próximo de uma fonte de calor. Encha-os com papel de jornal e pendure-os pelos sal­tos ou tacões na travessa de uma cadeira. Não use sempre os mesmos sapatos. Conservá-los-á durante mais tempo e em melhor estado se puder pô-los de lado de vez em quando. Calce-os com o auxílio de uma calçadeira para não estragar a parte de trás.

Como consertar sapatos:

Mande pôr capas novas antes que as velhas estejam totalmente gastas. Se quiser consertar sapatos velhos ou baratos, pode adqui­rir solas e capas de borracha pré–cortadas c aplicá-las em saltos ou tacões e solas de couro ou borracha. Não tente colocá-las em solas ou saltos de PVC. Para identificar o PVC, aqueça um pedaço de fio de cobre sobre uma chama. Toque na sola com o cobre quente e leve-o novamente à chama — se esta ficar de cor verde, a sola é de PVC.

As capas de borracha são coladas c pregadas e em alguns casos trazem a furacão para os pregos. Comece por retirar as capas velhas — se estas forem de couro, pode ter de tirar uma ou duas camadas do salto para conseguir encai­xar a nova capa de borracha até ao fundo. Use um martelo e um punção para introduzir os pregos. Com uma faca afiada, apare a capa a toda a volta.


3 comentários

  1. Carol Bertollo 27 de Abril de 2012
  2. Julia Correa 18 de Agosto de 2012
  3. Clarice Botelho Pereira 6 de Setembro de 2012

Adicionar Comentário