Como fazer um Portfolio

Um portfolio é uma ferramenta importante para expor o seu trabalho.

Com um bom portfolio, ninguém vai querer saber se estudou em certa universidade, se fez o curso x ou y. O eventual patrão vai concentrar-se no que poderá fazer por ele e no seu portfolio.

Dicas para fazer um portfolio de qualidade

Faça um resumo do seu perfil em 5 ou 6 linhas. Pense no Twitter, onde 140 caracteres são suficientes para mandar uma mensagem.

Se você é um designer de varios produtos, deixe de o ser, pois vai ter menos hipóteses no mercado. O melhor que tem a fazer é especializar-se no que de melhor sabe fazer. Mas, se mesmo assim você insistir em dedicar-se a diversas áreas, seja por que motivo for, faça portfolios diferentes em sites diferentes, onde quem visita um, não tenha como saber da existência de outro.

 

portfolio

 

Para elaborar um bom portfolio é preciso ter sentido crítico. Coloque neste apenas as melhores peças que produziu e que revelem o seu grau de especialização.  Além disso, se algum cliente aprovou um projeto seu, provavelmente não servirá para o portfolio. Saiba que todos os bons designers e publicitários têm 80% a 100% dos seus portfolios formados por peças fantasma, por isso faça o mesmo.

Contudo, deverá ter consciência que não basta ter um portfolio inteiramente composto por peças fantasma. Estas precisam de ser de boa qualidade.

A verdade é que não existe uma fórmula ou segredo para se fazer um bom portfolio. A melhor estratégia passa sempre por muito trabalho, dedicação, tentativas e muitos erros. Só assim é que conseguirá chegar a um bom resultado.

Para fazer um bom portfolio serão necessárias (em média) 20 a 40 tentativas para que surja um bom logo ou anúncio. Não deverá, nunca plagiar, mas sim procurar por uma boa inspiração em sites ou blogs da especialidade.

A não ser que seja um webdesigner, você não tem qualquer obrigação de ter o site mais bonito. É óbvio que a apresentação conta, mas um designer de produto não necessita de saber utilizar o Flash ou o código ActionScript. Poderá antes utilizar simples álbuns como o Picasa ou o Flickr.

O uso de blogs também não é de todo aconselhável. Podem ter a vantagem de poder assinar o RSS, mas perdem devido ao layout.

Por fim, saiba que parte de como saber fazer um portfolio implicará poupar o tempo do selecionador. Isto porque ele também poderá ser o seu futuro diretor de arte. Deverá mostrar que é uma pessoa direta e prática, mesmo antes dessa pessoa o conhecer. Faça sim um portfolio, objetivo, com apenas 10 a 15 peças.

Tal como no Twitter, seja curto, claro e conciso.


Adicionar Comentário