Como acalmar um gato agressivo

Um gato pode revelar-se agressivo quando está a expressar territorialismo, domínio sobre outro gato ou simplesmente dor e medo.

Mas, independentemente da causa, lidar com um gato agressivo e tentar acalmá-lo requer alguma cautela e cuidados específicos, não só para precaver que se magoe, como para não magoar e stressar ainda mais o próprio animal.

Os donos de gatos mais agressivos já conseguem reconhecer os sinais de alerta e adotar medidas que permitem minimizar este comportamento potencialmente perigoso.

De seguida, enumeramos algumas dicas de como conseguir acalmar um gato agressivo.

 

acalmar-gato-agressivo

 

  • Comece por proteger-se com luvas e roupa mais grossa. Esta proteção extra vai ajudar a prevenir que se magoe durante o pico de agressividade do animal, momento em que o gato pode tentar morder e arranhar. No caso de agressividade extrema, aconselhamos também o uso de óculos protetores. Tenha também à mão uma toalha, para o caso de ser necessário imobilizar o animal sem o magoar. Enrolar o gato numa toalha também o vai ajudar a acalmar.
  • Determine a causa que está a fomentar a agressividade no gato. Alguns fatores como a presença de pessoas estranhas, objetos, barulhos e algumas situações específicas podem desencadear um comportamento mais agressivo. Saber que tipo de situações causam o problema ajuda a preveni-lo mais facilmente, acabando o gato por nem chegar a ficar agressivo ou, pelo menos, diminuir a frequência desse comportamento indesejável.
  • Mantenha uma atitude confiante e tente falar com calma e de forma pausada. O gato vai agir de acordo com a forma como se comporta e consegue detetar o que está a sentir no seu comportamento corporal e tom de voz utilizado.
  • Evite usar sons sibilares (com “shh”) junto de um gato assustado ou com medo, pois normalmente é este o som que fazem quando estão mais agressivos ou assustados.
  • Se possível invista num spray calmante de feromonas (próprio para gatos). Este tipo de sprays são bastante úteis para ajudar o gato a acalmar mais rapidamente.
  • A esterilização/castração de gatos traz vantagens e desvantagens em termos de saúde e atenua o comportamento relacionado com o cio. Se o gato for muito agressivo, então talvez este tipo de operação seja uma forma de minorar esse comportamento agressivo.
  • Trabalhe múltiplas vezes com o seu gato, durante todo o dia, por períodos curtos. Quanto mais você interagir com o animal e tentar acalmar os seus medos e transtornos, mais o gato aprende a lidar com as diversas interações diárias. Mantenha períodos curtos de interação para evitar sobrecarregar o gato com estímulos.

Estas são apenas algumas dicas de como conseguir acalmar um gato agressivo. Lembre-se acima de tudo, de manter-se calmo e bastante paciente para que as dicas sejam mais eficazes.


Adicionar Comentário