Como jogar Gamão

O gamão é um jogo de tabuleiro jogado por duas pessoas — um dos jogadores joga com 15 pedras brancas e o outro com 15 pedras pretas ou vermelhas. O tabuleiro está dividido em dois lados iguais, um para cada jogador, separados por uma faixa central — a barra. Cada lado consiste em 12 triângulos alongados, chamados flechas.

Os dois conjuntos de seis flechas separados pela barra chamam-se bordo interior e bordo exterior. As flechas do bordo interior são numeradas de 1 a 6, e as do bordo exterior, de 7 a 12, mas como os números não estão marcados, é preciso sabê-los de cor. As pedras de um jogador têm de ser movidas do bordo interior do adversário, através do seu bordo exterior, e do bordo exterior do primeiro jogador até ao seu bordo interior e depois para fora do tabuleiro. Ganha o jogador que consiga tirar todas as suas pedras em primeiro lugar.

A primeira jogada decide-se pelo lançamento de um dado e pertence ao jogador que obtiver mais pontos. Depois, lançam-se dois dados para determinar a contagem do primeiro movimento e a seguir a dos movimentos alternados, usando cada jogador o seu par de dados. Podem mover-se duas pedras de uma só vez, e neste caso uma delas move-se o número de pontos de um dos dados e a outra o número de pontos do outro dado. Ou pode mover-se uma só pedra o número de pontos da soma dos dois dados.Uma pedra pode avançar para uma flecha não ocupada por duas ou mais pedras do adversário; se essa flecha estiver ocupada, é preciso tentar mudar outra pedra ou pedras — mas tem de se mudar o número total de pontos indicado pelos dados. Se não for possível, perde-se o lance. A uma só pedra numa flecha chama-se pedra vulnerável, e se a pedra de um jogador for parar à pedra vulnerável do adversário, situação a que se chama «comer a pedra», a pedra dele sai do tabuleiro e fica na barra.O adversário deve então voltar a pôr essa pedra em jogo antes de mudar quaisquer outras pedras. Para isso, tem de conseguir um lance dos dados, um ou dois, que corresponda a uma das flechas de 1 a 6 no bordo interior do primeiro jogador, e essa flecha não pode estar tapada, ou seja ocupada pelas pedras do primeiro jogador. Se ele mudar para uma pedra vulnerável, então a pedra vulnerável do primeiro jogador é posta na barra.

À acção de tirar as pedras do tabuleiro chama-se descarte, e não se pode começar a descartar antes de todas as 12 pedras de um jogador estarem no seu bordo interior. Então, podem descartar-se pedras das flechas correspondentes ao número indicado pelos dados ou movimentarem-se pedras dentro do bordo.

Se possível, deve usar-se o número completo. Por exemplo, se se tiver uma pedra na flecha 6 e se tirar um 6 nos dados, pode descartar-se a pedra, mas se a flecha 6 não estiver ocupada, tem de se tirar uma pedra da flecha mais alta que se segue. Não se pode, contudo, descartar uma pedra se a flecha indicada pelos dados estiver livre e houver pedras numa flecha mais alta.

Se, enquanto se está a descartar, uma das pedras do jogador for comida e ficar na barra, tem de ser reposta em jogo, conforme já se explicou. Não se pode continuar a descartar até a pedra comida do jogador estar reposta no seu bordo interior.

Jogar a dinheiro. O gamão é também um jogo de azar, com apostas a dinheiro. Um jogador que perdeu, mas que conseguiu descartar pelo menos uma pedra, perde a aposta, mas se não conseguiu descartar nenhuma das suas pedras, perde a dobrar a aposta original — a isto chama-se gamão. Se o jogador que perdeu tiver ainda uma ou mais pedras no bordo interior do jogador que ganhou, perde o triplo da aposta — dar gamão.

Uma vez assimiladas estas noções básicas, o gamão pode tornar-se um jogo absorvente e complexo.


Adicionar Comentário