Dicas para fazer slides

No passado, os discursos contavam apenas com a voz do palestrante. Na Grécia antiga, o orador deveria ser capaz de prender a atenção do público e convencê-los do seu argumento apenas com a arte da retórica.

Com o passar do tempo, surgiram novos formatos de suporte para auxiliar o orador. O mais comum e usado até hoje é o quadro negro, que depois mudou de cor e passou a ser o quadro verde.

Retroprojeções também desempenharam um papel importante no auxílio a professores e profissionais de diversas outras áreas, como publicitários, arquitetos e palestrantes.

No entanto, foi com a popularização dos computadores e o barateamento dos projetores que surgiu uma nova opção de auxílio e suporte a pessoa que iria proferir um discurso ou dar uma aula.

Por isso, hoje em dia é essencial você saber criar slides. Separamos a seguir algumas dicas para fazer slides.

 

slide

 

1. Conheça o mínimo das funcionalidades dos programas

Para fazer slides você precisa de um programa. A Microsoft oferece o Power Point, enquanto a Apple oferece o Keynote. Cada um possui os lados bons e ruins. A dica para criar slides é que você use o sistema operacional que mais está acostumado.

Se você sempre mexeu com PC, a dica para fazer slide é que se especialize no Power Point. Agora, se você é um entusiasta da empresa da maçã e já mexe com Mac, a dica é investir no Keynote.

Se você não possui a mínima noção de como funcionam esses programas, peça a ajuda de um parente ou amigo apenas para entender as funcionalidades básicas.

A seguir, você poderá começar a mexer sozinho, de modo autodidata.

Outra opção fácil é assistir vídeos do Youtube, que ensinam desde como criar texturas para os slides até como fazer animações avançadas.

 

2. Na dúvida, escolha o simples

Muitas pessoas pecam porque colocam informações demais no slide: textos longos, muitas fotos, muitas animações, muitas cores.

Já é quase clichê repetir a frase “menos é mais”, mas ela ainda se aplica a  muitos casos.

Se você estiver em dúvida do que usar ou não, a dica para fazer slides é usar como guia essa tabela:

  • Textos: no máximo 2 frases ou 20 palavras. Se o conteúdo for extenso, é melhor colocar pouco texto em muitos slides do que colocar muito texto em poucos slides.
  •  Imagens: no máximo três fotos, dispostas de maneira organizada, ou seja: evite colocar uma em cima da outra. Quando você colocar muitas imagens, em vez de ajudar o público você atrapalhando ele, porque acontece um excesso de informação.
  •  Animações: use apenas se elas auxiliarem a sua apresentação. Caso sejam necessárias, escolha as mais simples sempre. Frases que ficam dançando na tela não conferem seriedade a você e distraem o público.

 

3. Use imagens de alta qualidade

Por último, a dica para fazer slides que você não pode perder é usar sempre em suas apresentações imagens em alta resolução. Além de conferir profissionalismo ao seu conteúdo, essas imagens ajudam o público a conferir com nitidez o material que você selecionou.

E isso é muito fácil: ao fazer a busca por imagens no Google, clique em “Ferramentas de pesquisa”. A seguir, clique em “tamanho” e marque a opção “grande”.

Com essas dicas para fazer slides suas apresentações serão um sucesso.


Adicionar Comentário