Trabalhe na sua resposta emocional à dívida e ao dinheiro

A maioria das pessoas tem muita bagagem emocional quando se trata de dinheiro.

Nós vemos o dinheiro como um marcador de sucesso, ou então como uma maneira de nos fazer sentir melhor, e estas atitudes, muitas vezes, são a origem dos nossos problemas financeiros e de crédito.

Se confiarmos no dinheiro para nos fazer sentir bem sucedido, então estamos aptos a gastar mais.

Se temos medo do dinheiro – ou a falta dele – é improvável tê-lo ou poupar para fazer investimentos.

Temos de estar cientes das maneiras de responder ao dinheiro e das formas de como lidamos com ele. Alguns especialistas financeiros recomendam que os clientes devem ter diários sobre o dinheiro, onde devem registar o seu dinheiro, os medos do dinheiro e as suas respostas aos gastos.

Esse diário vai ajudá-lo, mostrando-lhe como você se sente sobre os gastos e sobre o dinheiro. Se você pode isolar as emoções que influenciam a forma como você gasta o dinheiro e como você toma decisões sobre ele, estará no bom caminho para a resolução dos seus problemas financeiros.


Adicionar Comentário