Quando deve chamar um profissional

Depois de ter experimentado o desafio da bricolage, é fácil entusiasmar-se e começar a pensar em projectos mais ambiciosos. Isto é correcto se os resultados dos seus primeiros esforços ultrapassarem as suas expectativas, e se ao fazê-las foram revelados talentos até agora desconhecidos. Ir avançando gradualmente, da colocação de uma prateleira à de uma bancada, ou de azulejar um salpicador a cobrir de azulejos uma casa de banho completa, pode requerer apenas uma ou duas agilidades adicionais e um pouco mais de pesquisa, tempo e esforço, pelo que pode começar a planear. Contudo, pode ser que tenha achado o trabalho menos agradável, fácil e simples do que esperava, e que o produto final não ficou à altura das suas expectativas. Neste caso é aconselhável limitar as suas actividades de bricolage a necessidades básicas, como a colocação de um cabide para casacos e prateleiras já fabricadas.
Compreender a complexidade do trabalho também a ajudará a apreciar não só as capacidades exigidas, como o tempo e custos envolvidos. Os projectos mais ousados que envolvam electricidade, gás, água ou alterações estruturais devem sempre ser entregues a um profissional qualificado, que terá conhecimento das leis, regras e regulamentos referentes à construção civil, ou requisitos legais que esse tipo de trabalhos geralmente envolve. As indemnizações das seguradoras podem ser afectadas, ou anuladas, se o trabalho não obedecer às regras restritas citadas nas apólices. Se viver num prédio patrimonial ou numa relíquia arquitectónica, pode precisar de uma autorização especial para qualquer trabalho que venha a ser feito e esse trabalho estará sujeito à aprovação de vários órgãos e entidades.

Não se sujeite aos riscos envolvidos na utilização de escadotes altos, contacto com electricidade, gás ou equipamentos e materiais potencialmente perigosos, poeira lesiva e vapores tóxicos. Tudo o que envolver o levantamento ou manuseamento de cargas pesadas, implicará músculo e destreza.
A bricolage oferece uma enorme satisfação e prazer, bem como a oportunidade de poupar dinheiro, mas não se transforme numa mártir nem sinta que está a deixar ficar mal a irmandade das mulheres emancipadas, só por admitir que odeia ou simplesmente não tenha conseguido fazer certos trabalhos e acabasse por contratar um “homem”. A falta de confiança e capacidade pode conduzir a um
trabalho pobre ou mal executado. É muito mais fácil admirar uma pessoa pelo equilíbrio não só da sua cabeça como das suas prateleiras, do que compreender alguém que faz tudo e sabe tudo, mas com sobrancelhas queimadas ou falta de dedos.

Trabalhos perfeitos para profissionais

Ainda que tenha “chamado os peritos” com alguma relutância, é possível que em breve comece a sentir-se aliviada pelo facto de não ter decidido fazer você mesma. Se ainda não está convencida, tente levantar um saco de cimento ou subir com um carrinho de mão cheio de gravilha ao longo de uma tábua de madeira posicionada quase a pique!

Alterações estruturais
Qualquer coisa que envolva a estrutura da sua casa deve ser sempre abordada por um profissional, pois pode não ser evidente o que está a segurar e, em casos extremos, a remoção de uma viga aparentemente inútil pode ser desastrosa.
Em geral é necessária a aprovação de uma planta ou a obtenção de uma licença para trabalhos relativamente pequenos, tais como deitar abaixo uma parede entre dois quatros. Os alicerces e capacidade de suporte de peso da estrutura também devem ser levados em consideração aquando do levantamento de novas paredes e soalhos, janelas e banheiras de ferro fundido.

Trabalho de demolição
Contrate um construtor para todos os trabalhos de demolição ou reconstrução. Ele será capaz de lidar com descobertas inesperadas, instalações eléctricas, sistemas de canalização, falhas estruturais e outros horrores escondidos.

Capacidades específicas
Os pedreiros, estucadores, carpinteiros, electricistas, canalizadores, pintores e decoradores têm as capacidades e conhecimentos necessários para um trabalho eficiente, seguro, rápido e com um elevado grau de qualidade e acabamento. O trabalho profissional é dispendioso, mas vale bem a pena.
Para propriedades antigas pode precisar de contratar especialistas numa determinada área, material, método ou processo de obtenção de um resultado profissional.

Riscos para a saúde

Alguns materiais de construção, tais como o cimento e materiais de isolamento, são perigosos. A poeira e vapores da madeira afagada, serrada e tratada, os vernizes, tintas e madeiras reconstituída são potenciais riscos para a saúde.
Trabalhos perigosos que envolvam a utilização de escadotes altos andaimes ou equipamentos especiais também devem ser deixados para os profissionais.

Trabalho pesado
Os materiais de construção podem ser pesados, grandes, compridos ou desajeitados. Ainda que peça para os entregarem em casa, podem ser difíceis de transportar pelas escadas.

Gás, electricidade e água
Existem regulamentos rigorosos para as instalações de gás, electricidade e água. Recorrer a um perito em aquecimento, electricista ou canalizador dar-lhe-á algum alívio se alguma coisa correr mal.
A não ser para a limpeza do fogão, nunca toque em aparelhos a gás. Chame sempre um engenheiro ou canalizador para instalar, reparar ou fazer a manutenção do aquecimento central, esquentadores ou qualquer outro aparelho a gás.
Tudo o que tenha a ver com circuitos eléctricos, substituição de fios eléctricos, tomadas novas ou sistemas de iluminação, deve ser sempre feito por um electricista profissional.


Adicionar Comentário