Dobradiças, como escolher a dobradiça e montar uma porta

Como montar uma porta

Em geral, as portas interiores precisam apenas de duas dobradiças, mas uma porta exterior, mais sólida, necessita de três. São necessários seis a oito parafusos para cada dobradiça.

Depois de ter marcado na porta uma linha no lugar onde esta se ajusta à moldura, trace outra linha paralela por dentro para a porta ficar ligeiramente afastada da moldura e poder rodar livremente e ajustar-se ao encosto. Essa distância deve ser de 2 mm numa porta lisa e de 3 mm numa porta com almofadas, que tem mais tendência para a dilatação. Aplaine até à linha de dentro.

Se na moldura da porta já tiverem sido abertos entalhes para as dobradiças, marque os entalhes para as da porta nova de modo a ficarem à mesma altura. Caso contrário, abra entalhes com um formão na porta e os correspondentes na moldura.

Colocação da porta de um armário

Actualmente, quase todos os armários são de contraplacado ou aglomerado, pelo que não se podem colocar parafusos nos rebordos das portas. Estas têm de ser montadas com dobradiças aplicadas na superfície da porta e da moldura. Deixe uma folga de 2 mm numa porta aplicada no interior da moldura para que abra com facilidade; se a porta for sobreposta ao corpo do armário, essa sobreposição tem de ser de 16 mm. Certifique-se de que o comprimento do parafuso não é superior à espessura da porta. As dobradiças de uma porta sobreposta ficam escondidas e podem ser reguladas depois de a porta ter sido montada.

Colocação de uma cancela

A dobradiça mais simples para a colocação de uma pequena cancela de madeira num prumo também de madeira é uma dobradiça em T. Deixe uma folga suficiente dos lados para o movimento da dobradiça e do trinco. As cancelas mais pesadas, montadas em postes ou em pilares de tijolo, têm de levar dobradiças especiais.


Adicionar Comentário