Manutenção e Reparação de Cancelas de Madeira e Metálicas

Uma cancela de madeira pode descair por as junções se desconjuntarem, as dobradiças se soltarem, carecer de um reforço ou os prumos não estarem direitos.

Retire a cancela das charneiras e verifique as junções. Se alguma junção estiver solta, separe-a com um maço, um martelo de borracha ou um martelo vulgar incidindo num pedaço de madeira. Remova os restos de cola antiga e aplique cola para madeira à prova de água . Volte a montar a junção, verificando com um esquadro se os cantos formam ângulo recto.

Caso a cancela tenha reforço, verifique se está bem firme. Se estiver solto, retire-o e volte a montá-lo com cola à prova de água e parafusos galvanizados. Se notar que a cancela ainda está um pouco desconjuntada, aparafuse reforços metálicos. Existem no mercado peças direitas, cm T e em L.

Se as dobradiças estiverem soltas, retire-as e volte a colocá-las com parafusos de calibre superior e talvez um pouco mais compridos se a espessura da madeira o permitir. Se necessário, tape os buracos com cavilhas de madeira ou buchas de fibra para paredes e volte a apertar os parafusos. Substitua as dobradiças danificadas.

Arranque um prumo de charneira que tenha descaído. Se tiver apodrecido, substitua-o por outro de tamanho semelhante feito de madeira tratada.

Escave o buraco do prumo com profundidade suficiente para que o cimo fique nivelado com o do outro prumo, depois de assente num tijolo no fundo do buraco. Peça a alguém que segure o prumo na sua posição correcta enquanto verifica com um nível de bolha se está na vertical e também ao mesmo nível do outro prumo e ainda se a abertura tem a folga para as dobradiças e o curso do trinco. Escore o prumo calcando pedras à sua volta e deixando 10 cm no topo para encher com cimento. Dê uma inclinação ao cimento para impedir que os prumos se inclinem para dentro num terreno mole e faça uma faixa de 20 cm de cimento entre cies.

Se instalar uma cancela nova, aplique–lhe um produto para protecção da madeira antes de a envernizar ou pintar.

Cancelas metálicas

É raro estas cancelas estragarem-se. Habitualmente, trata-se de uma dobradiça que cede em consequência de se ter soltado uma cavilha ou olhai cimentado num pilar de tijolo.

Retire a cancela e desmonte as dobradiças, retirando a argamassa com um martelo e escopro. Aplique cola PVA nos furos de fixação e em seguida volte a colocar as dobradiças. Segure a cancela no lugar, com as dobradiças montadas, para verificar a posição antes de as prender com a argamassa. Sustente as dobradiças com cunhas enquanto a argamassa seca. Se a pintura estiver danificada, a ferrugem pode atacar o metal. Depois de ter removido toda a ferrugem solta com uma escova de arame e lixa grossa, trate o metal contra a ferrugem antes de voltar a pintá-lo.

Dobradiças e trincos

Lubrifique as dobradiças das cancelas com massa, e não com óleo, pois este evapora-se rapidamente.

Numa cancela de ferro poderá colocar uma cavilha expansível, abrindo um orifício no eixo e apoio da dobradiça para dificultar o roubo da cancela.


Adicionar Comentário