Serragem de madeira

A serragem se faz em duas fases, com um bom serrote de traçar começando pela extremidade da peça, ou seja, o topo. É essencial que o pedaço de madeira esteja fixado, daí a necessidade de se dispor de uma boa bancada com uma morsa ou com um torno. Não possuindo esses utensílios, utilize o gastalho, que é uma espécie de grampo que serve para fixar peças na bancada.

Feito o primeiro traço de serragem, é suficiente um segundo corte perpendicular ao primeiro. Nos dois casos deve-se tomar cuidado para não ultrapassar os limites traçados. Por isso é necessário traçar, com as hachuras, as partes a serem entalhadas.

Se a serragem do entalhe feita na extremidade de uma das duas peças é idêntica àquela da união a meia-madeira, aquela da peça entalhada no meio é muito mais delicada. Em lugar de apenas dois traços para serragem, é necessário fazer aqui uma série de traços.

Faça uma série de traços de serragem paralelos, espaçados de mais ou menos dois centímetros. Sua profundidade deve ser ligeiramente inferior àquela desejada no entalhe. Para um trabalho preciso, utilize de preferência um serrote de costas.


Adicionar Comentário