Como reparar cintos de segurança

Para sua segurança pessoal, verifique regularmente o estado dos cintos de segurança do seu automóvel.

Utilize uma chave de parafusos para se certificar de que os suportes dos cintos estão bem apertados. Verifique se, quando o cinto está apertado, a correia não fica torcida e o cinto se solta facilmente. Substitua os cintos se a correia estiver esfiapada, rasgada ou a descoser-se nos suportes.

cinto-de-seguranca

Puxe a correia de um cinto com bobina automática para verificar se ela corre livremente na bobina e se enrola totalmente. Para experimentar um cinto com bobina automática, leve o carro para a estrada com um passageiro à frente. Certifique-se de que não circula nenhum veículo na estrada atrás de si e trave de repente a cerca de 30 km/h. Os dois cintos de segurança deverão fechar-se quando você e o seu passageiro forem projectados para a frente. Se um cinto não fechar, pode estar desalinhado.

Para trabalhar correctamente, a caixa da bobina deve estar na horizontal quando o carro estiver nivelado e vazio. Verifique cada uma das caixas com um nível de bolha e coloque-as na posição devida se for necessário.

Os cintos estáticos podem ficar puídos ou sujar-se se não forem guardados quando não estão em uso. Quando sair do carro, prenda sempre ou pendure a fivela automática no local próprio, no eixo da porta. Se o suporte ou gancho se partir, faça um novo com arame grosso revestido de plástico.


Adicionar Comentário