Alimentos toxicos para cães

Um dono consciente sabe o quanto é importante manter a casa segura para os seus animais de estimação. Nas nossas casas existem diversos perigos especialmente preocupantes para os nossos cães, alguns dos quais nem sequer temos conhecimento de quanto podem ser perigosos, por vezes até fatais.

 

Frequentemente nos questionamos acerca de que alimentos são tóxicos para os nossos companheiros de quatro patas, por isso, segue-se uma lista de alguns dos alimentos a que devemos prestar mais atenção nas nossas casas:

  • Chocolate – Delicioso para nós humanos, mas fatal para os nossos amigos peludos. O chocolate contém uma substância altamente tóxica para os cães, a Teobromina. Tenha também em atenção que uma vez ingerido pelo seu animal de estimação, não existe nenhum antídoto, acabando por ser fatal quando consumido em grandes quantidades.
  • Abacate – Pode gostar muito de guacamole, mas garantimos que o seu cão não o vai apreciar. Como acontece com o chocolate, também o abacate contém uma substância que pode ser tóxica para os cães quando ingerida em quantidades excessivas. A própria planta do abacate e as suas folhas são tóxicas para os animais, pelo que todo o cuidado é pouco e não deve ficar ao seu alcance.
  • Uvas e uva-passa – Apenas alguns bagos de uva podem deixar o seu cão muito doente. Alguns dos sintomas mais comuns são vómitos, diarreia, dores abdominais e letargia. Se desconfia que o seu cão ingeriu uvas e apresenta estes sintomas, então leve-o rapidamente ao veterinário, de modo a evitar o pior. A substância que causa a intoxicação não foi ainda identificada, mas pode conduzir a problemas renais num cão.
  • Cebolas e alhos – Tanto a cebola como o alho têm uma substância tóxica para os cães e que altera a sua hemoglobina, provocando a destruição de glóbulos vermelhos e causando anemia, icterícia e sangue na urina. Se o seu cão comer estes alimentos e não for tratado pode ser fatal.
  • Álcool – Alimentos que contenham álcool na sua composição não são de todo indicados para o seu animal de estimação. Isto porque o álcool tem o mesmo efeito sobre o fígado de um cão e o seu cérebro que tem sobre os seres humanos. Contudo, é preciso menos tempo para causar sérios danos, muitas vezes irreversíveis. Apenas uma pequena quantidade ingerida pode causar vómitos, diarreias, problemas no sistema nervoso, dificuldades respiratórias, coma ou até morte. E tenha em atenção, que como acontece connosco humanos, quanto mais pequeno for o animal, pior os efeitos.
  • Café, chá e outros alimentos com cafeína – A cafeína, quando ingerida em quantidade excessiva, pode ser fatal para o seu cão e, infelizmente, não existe antídoto para os seus efeitos e danos. Alguns dos sintomas a que deve ficar atento são: inquietação, respiração rápida e ofegante, palpitações, tremores musculares, convulsões e sangramento. A cafeína pode ser encontrada também em alimentos como cacau, chocolate, bebidas gaseificadas ou estimulantes.
  • Leite e produtos lácteos – Os lacticínios podem causar diarreia e outros problemas digestivos ao seu animal de estimação. É possível também que estes alimentos causem alergia ao seu animal, pelo que deve ficar atento a possíveis alterações repentinas no seu comportamento.
  • Macadâmia – Raramente fatal, a ingestão de macadâmias pode causar sintomas como vómitos, tremores, dores abdominais e confusão mental.

5 comentários

  1. Nuno Carrasqueiro 18 de Setembro de 2012
  2. Marcia Lins 19 de Setembro de 2012
  3. Doroteia Cação 20 de Setembro de 2012
    • evandro 8 de Outubro de 2012
  4. Ju Vicente Cordeiro 23 de Setembro de 2012

Adicionar Comentário