Como poupar o ambiente

Nós temos a ideia pré-concebida de que proteger o ambiente é caro. Pois a partir de agora fique a saber que isso não é verdade.
Comece desde logo em sua casa a mudar de hábitos de modo a que se torne mais amigo do ambiente e verá como terá, também, o retorno ao final do mês. Junte, assim, o útil ao agradável.

Comece pela cozinha

Este é um dos pontos-chave na poupança de energia.
Sabia que um frigorífico com mais de dez anos consome o equivalente a 108,99€ euros por ano a mais de energia? Os frigoríficos novos gastam metade da energia, especialmente se forem de classe A+, revelando um gasto anual de menos 50€. Faça as contas e veja se não vale a pena este investimento. No final, trocar o frigorífico velho por um novo vai-lhe permitir poupar cerca de 58€ por ano na conta da eletricidade. O ambiente também vai agradecer pois estará, obviamente, a poupar no consumo.

Troque as suas lâmpadas incandescentes por lâmpadas de baixo consumo, que consomem menos 20% de eletricidade. Mais um modo de poupar o ambiente.

Saiba como reduzir ainda mais cerca de 17% no consumo de energia em sua casa: opte por acumulador elétrico ou por um aquecimento a gás. Aproveite e adira à tarifa bi-horária do seu contador, que virá reduzir, em média, cerca de 40% a fatura.

use e abuse do carpooling para poupar o ambiente e na carteira

Carpooling: Porquê ter um carro de cinco lugares para apenas uma pessoa? Partilhe o seu carro e as despesas. Esta é uma prática que consiste em juntar pessoas que diariamente fazem o mesmo trajeto, num só carro, dividindo assim as despesas.

Como poupar o ambiente

O carro é o maior poluidor do ambiente diretamente de uma família. Porém, é também onde mais conseguirá fazer a diferença. Por exemplo, conduzir na auto-estrada 20km / hora abaixo do limite de velocidade diminui os consumos e também as emissões em 20%. Além disto, manter a pressão dos pneus permite um gasto de menos 5% de combustível do que gastaria se tiver a pressão nem que seja 0,5 bar abaixo do recomendado.

Sempre que puder, escolha os transportes públicos. Um passageiro de comboio polui cerca de nove vezes menos que um condutor de um carro particular.

Podemos categorizar em três os tipos de consumidor poupador:

  • O Preguiçoso a poupar o ambiente – passa a lavar a roupa à noite, desliga o forno dez minutos antes da comida estar pronta, escolhe um LCD em vez de um plasma, desliga as tv’s da ficha, não tem pesos desnecessários no carro, faz mais do que uma refeição por semana com sobras do dia anterior e usa sempre o mesmo saco para as compras do supermercado.
    Com estes hábitos, que toma estas posturas consegue reduzir em cerca de 68€ por mês nas contas.
  • O Consciente a poupar o ambiente – faz o mesmo que o preguiçoso e mais algumas coisas como adquirir um novo frigorífico de classe A+, gasta menos 30% da água em casa e tem lâmpadas de baixo consumo. Opta, ainda, por um computador portátil e por ter gás natural em vez de acumuladores elétricos. Tudo isto permite poupar até cerca de 182 euros por mês.
  • O Fanático por poupar o ambiente – Faz o mesmo que os outros dois, menos andar de carro. Além disso usa um painel solar para aquecimento da água e microproduz energia elétrica através da utilização de um sistema eólico ou fotovoltaico. Saõ opções que revelam uma poupança de cerca de 500€ por mês.

Todos estes tipos de consumidor poupador conseguem poupar o ambiente, e poupar muito dinheiro.


Adicionar Comentário