Como fazer gravação em ossos

Era costume os pescadores de baleias, nomeadamente os dos Açores, esculpirem ou gravarem os ossos e os dentes das baleias ou as presas das morsas e dos narvais e encherem as linhas gravadas com tinta preta, fuligem ou suco de tabaco de mascar. Este trabalho de gravação, que tem o nome de scrimsbaw, pode ser feito com facilidade.

Materiais: Para este trabalho, pode utilizar ossos, chifres, conchas, cabos de marfim de talheres velhos ou teclas de piano ou mesmo qualquer superfície de plástico, como a imitação de marfim. Ferva os ossos ou os chifres durante várias horas para remover todos os vestígios de carne e de sujidade. Puxe o lustro com palha-d’aço muito fina e aplique um verniz de poliuretano claro. Corte a peça à medida com um serrote de lâmina para metal e coloque-a na mesa de trabalho.

Como gravar um desenho em osso

Faça o esboço do desenho em papel e passe-o para a superfície que vai gravar, ou coloque o papel com o desenho sobre essa superfície, e pique com um alfinete forte os pontos essenciais das linhas. Depois, trace o desenho com um lápis macio.

Comece por traçar as linhas principais do desenho, aplicando uma pressão firme e uniforme. Em seguida, faça os pormenores. Para dar sombras, trace ao de leve linhas paralelas ou tracejadas, desenhando-as mais próximas umas das outras se quiser um sombreado mais forte.

Pinte o desenho utilizando uma substância que não saia com água.


Adicionar Comentário